Virtual Mamoré

Virtual Mamoré

Encontrado em mata, sargento confessa ter pilotado helicóptero com quase 300 kg de cocaína


O sargento do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, identificado pelas inciais [ A.R. P. J.], de 45 anos, foi preso na quarta-feira (04), e confessou ter pilotado helicóptero, que caiu com quase 300 kg de cocaína em Poconé (104 km de Cuiabá).

A queda aconteceu no último domingo (01), em uma fazenda.

Na quarta-feira, uma equipe do Corpo de Bombeiros estava combatendo um incêndio na região de Poconé quando encontraram o homem. Bastante debilitado, ele chegou a afirmar que estava no local parar retirar peças de uma aeronave.

No entanto, ele acabou confessando que era ele o responsável por pilotar o helicóptero com drogas.

Foi constatado na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) que o dono da aeronave é o policial civil Ronney José Barbosa Sampaio, do Distrito Federal.

De acordo com ele, o helicóptero foi vendido para um homem que mora em Mato Grosso do Sul (MS), que não foi localizado pela reportagem.

Relembre o caso

A aeronave de asa rotativa, modelo Robson R44, e a cocaína foi encontrada durante uma operação deflagrada pela Polícia Federal com apoio do Grupo Estadual de Segurança na Fronteira (Gefron), Polícia Militar (PM) e Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

Os materiais foram encaminhados para a Polícia Federal de Cuiabá, para providências cabíveis.

O prejuízo total ao crime foi estimado em pouco mais de R$ 7 milhões (R$ 7.375.000,00), sendo R$ 6.950.000,00 referentes ao entorpecente e R$ 425 mil relacionado à aeronave.


Fonte: reportermt
FOTO: REPRODUÇÃO / reportermt


Nenhum comentário

Mais no Virtual Mamoré